O peso endoidou

Oi meninas! 🙂

Meu peso está completamente doidinho (não, não é a balança!). Variou de 70.4 kgs a 72.5 kgs! Sério. Mas, isso tem um motivo: TPM. Sofro desse mal, especialmente em relação a inchaço. A questão é: MINHA PESAGEM OFICIAL – A PRIMEIRA – É AMANHÃ! Logo, não saberei se ela será muito confiável. Mas, de qualquer forma posto o que a dita cuja marcar aqui. E seja o que Deus quiser!

Hoje, logo que acordei, e sem tomar café antes, marcou 71.3.

Tomará que reduza um tiquinho, pelo menos, até amanhã pra arredondar 1 kilinho perdido. Se assim acontecer, já me dou mais que satisfeita!

Como é díficil emagrecer, não?

virgem-santíssima! Pra engordar é um pulo! Pra emagrecer é uma maratona inteirinha, ida e volta e com direito a replay! 🙂 

beijos, boa semana

(torcendo os dedinhos para amanhã!)

Anúncios
Publicado em TPM | 4 Comentários

Xiuuuuuuu!

Não contem para a dona balança! Ou para algum boicotador de dietas, mas, sabe que hoje subi na “dita cuja” e ela marcou 70.4 kgs. Whatttt? Será que vi direito? 4 dias comportada, feito freirinha de 95 anos, e, perdi 1.6 kg. Não, não… quando o milagre é muito até santo desconfia… mas que eu estou doidaaaaaaaaaaa para acreditar nesse santo, isso estou!!!! De todo modo, minha pesagem oficial é só no dia 4. Então, vamos cruzar os dedinhos para que esse número – no mínimo – se confirme, porque já é mais do que minha “meta” de perder 1 kg por semana. ôooo beleza… agora até animou! Peraí que vou correr 10 km e já volto! 🙂 Té parece, né? Um dia terei o orgulho de dizer que corri 10 km (de verdade), não só nos meus “pensamentos”.

Mas, vamos ao que interessa …

Estou mais pasma com outra descoberta. Como disse, eu não tenho muito tempo para cuidar da alimentação, visto que trabalho em média 16 hs por dia – sim, sim… você leu direito. Sou praticamente uma “escrava” branca! 😦 Grande parte da minha alimentação é composta de “bolachinhas”. Até ai nenhum problema desde que sejam as “bolachinhas” mais adequadas e na quantidade correta.

Não estou querendo mudar radicalmente minha alimentação porque sei que depois os velhos hábitos retornam, e consequentemente o peso. Então, estou buscando comer o mais próximo do que comia, com qualidade melhor das escolhas, e quantidade menor. Basicamente minha alimentação diária – de um dia típico – se resume agora assim:

 

Café da Manhã

2 fatias de pão de forma com manteiga + 1 xícara de café com adoçante (+ ou – 200 calorias)

Lanche da Manhã

Chá + 5 Bolachinhas de Aveia e Mel (128 calorias)

Almoço

1 pote grande de sopa (tipo aquelas xícaras grandes) + 1 maçã (300 calorias)

Lanche da tarde

1 pacotinho de bolacha salgada pequeno (139 calorias)

Janta

1 pote grande de sopa (tipo aquelas xícaras grandes) + outra fruta qualquer ou um danone light (300 calorias)

Ceia

1 xícara de chá e 5 bolachas de aveia, ou uma fatia de pão de forma (128 calorias)

 

Eu sei que tenho que melhorar na variedade, mas, por enquanto é o que dá para fazer! A quantidade calórica somada gira em média a 1200 calorias… não é pouco, eu sei, mas, ela segura bem minha fome e ansiedade e não me faz cometer canibalismo na rua. 🙂 Se conseguir perder peso assim será ótimo porque como muito bem… especialmente com a “sopinha”, que é muito bem servida (em quantidade) e tem carboidrato e proteína (arroz, frango, legumes) e foi a melhor surpresa que tive essa semana.

Adoro sopas, e como moro sozinha facilita demais minha vida porque faço uma panelona e guardo em porções para a semana. E, cismei de contar as calorias (que eu achava ser super calórica). Cai no chão com o resultado bom. Amanhã conto aqui para vocês. Acho que pode ser uma opção para quem estiver dieta.

 

Só sei que por enquanto está funcionando! (dedinhos cruzados ainda!) Vamos ver! tomará que a balança seja boazinha comigo no dia da pesagem oficial! Ok. Ok… sim, estou neurótica e com medo e desconfiada e achando que a balança surtou hoje! rs rs rs

 

beijosssssssssssssssssss e super obrigado pela visita! estou na maior correria mas vou visitá-las mais tarde!

Publicado em Alimentação, Pesagem | 2 Comentários

Hora da fome

Será que existe uma hora da fome? A minha aparece normalmente, de forma intensa, depois das 18h00. Bem complicado isso, ainda mais nesse frio. Se fosse o inverso, ou seja, se ela aparecesse no período da manhã e fosse diminuindo conforme o dia avançasse, certamente, seria mais fácil para (eu) emagrecer. Mas, não. Claro. Ela aparece bem à noitinha… quando o trabalho já passou e eu estou com todo o tempo do mundo (para comer).

Tudo isso para dizer que ontem tive vontade de comer um “boi” depois da minha sagrada e magrinha sopinha. Mas, resisti! Bravamente, e fiquei com um chá básico e três bolachinhas de aveia (que não passa de 80 calorias). Foi só. Mas, na verdade, eu pensava mesmo no boi… 🙂

Sai desse corpo que não te pertence!!!  Já passouuuuuuuuuuuuuuuuuu!

 

Essa é a hora mais díficil para mim. E, pra você?

 

bom dia!

Publicado em Comportamento | 4 Comentários

Sim, a culpa é da porpeta!

Eu sou uma gulosa. Essa é a verdade. Adoro comer. Sempre lutei contra a obesidade e já cheguei a pesar – para os meus medianos 1.67 mts,  91 kgs, até hoje creio que o máximo atingido na balança (eu acho… porque chegou uma época que desisti de me pesar). Há uns cinco anos resolvi emagrecer, e fiz de tudo: dieta da lua, chás, rezas, mandinga, sopas, choradeiras, shakes, remédios e reeducação alimentar – que se não foi só ela a responsável por me fazer perder peso, certamente, foi a única que me fez manter o peso.

Quê? Se funcionou? Sim, sim. Sai dos 90 e poucos e fui para 61 kgs. Isso mesmo que você leu: foram 30 kilos eliminados da minha vida. Para sempre…. até 2007. Hunf! Mantive-me por quase cinco anos, mas, em 2008 e 2009 – depois de muita pressão no trabalho e na vida particular, adicionado a minha gulosa anaconda que reside em meu estômago e atende pelo nome gula – engordei um total de 11 kgs.

Então, hoje, 28 de julho, meu peso redondinho, nem pra mais, nem para menos, é 72 kgs. Demais para quem se recusa a comprar roupas maiores do que usava a 1 ano e meio atrás e que já está quase saindo na rua com uma folha de bananeira tapando as “coisas” porque nada entra direito. É… se você vê a versão jane-porpetinha-2009 andando por São Paulo, sou eu. Direto da selva do meu guarda-roupa! 🙂

Mas, láááááááááááá no passado, eu tinha um blog e adorava escrever e mostrar meu sucesso (exibida!). A verdade é que adorava mesmo ter com quem compartilhar essa batalha contra a balança. E, cá estou novamente, depois de muito tempo, tentando eliminar não só os 11 kgs ganhos nos últimos meses, como mais 4, que era minha meta final de emagrecimento: 57 kgs. Mas, para isso, o caminho é longo… 15 kgs.

Não vou seguir nenhuma dieta específica porque não tenho disciplina para tal, mas, vou tentar reduzir o máximo que puder para uma alimentação saudável. Também não vou me transformar numa adepta fervorosa da alimentação “saudável” porque isso é totalmente inviável com meu ritmo de vida (leia: trabalho). Mas, vou evitar doces (minha perdição) e, também, diminuir os carboidratos – especialmente pães, a companhia predileta de quem mora sozinha e não tem muito tempo de cozinhar. Uma coisa que tenho feito na última semana é anotar o que como… 🙂

Também não sou uma admiradora dos exercícios físicos porque sou preguiçosa de carteirinha, mas, quem sabe não me animo a fazer caminhadas. Ou, milagrosamente, entrar numa academia – coisa que nunca fiz até hoje (sim, emagreci 30 kgs só com alimentação. sim, sofri mais do que devia por isso).

Ou seja, tudo certo, nada resolvido. Vou tentando adequar na base do “erro e acerto”. Mas, não termino o ano de jeito nenhum com o peso que estou.

Díficil? ô se é! tenho “certificado” nessa matéria. Mas, não vou desistir.

A luta para eliminar esses 15 kgs começa aqui.

Vou adorar ter a sua companhia! E, quem tiver um blog também deixa o endereço para eu linkar aqui…

 

beijos!

Publicado em Pesagem | 2 Comentários